segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

Comunicação

Faz tempo que passo em frente ao mosteiro das Carmelitas Teresianas Descalças de Mirandópolis.
Em geral passo caminhando, os portões estão sempre fechados. Certo dia passei, passeando, bem devagar, com minha filha caçula, na época com quatro anos.
A pequena queria saber para que servia aquele muro cinza, feio, tão alto e tão longo que não acabava mais. Expliquei que lá moravam freiras que ficavam isoladas do mundo, sem passear, sem visitas, e que rezavam muito. Ela, um pouco perplexa com a resposta, perguntou se as freirinhas ao menos tinham internet, respondi que não.
Televisão? Respondi novamente que não. Inconformada, ela ainda arriscou, e um rádinho? Também não, filha!
Ela então, do alto dos seus quatro anos, me sugeriu:
Mãe, que tal jogarmos um celular, aqui por cima do muro? Elas vão poder falar com a gente, e com todo o mundo!
Daí veio a idéia desse trabalho, para a matéria de animação em flash. Simplinho, mas que contou com a valiosa inspiração da Juju e com uma série de fotos tiradas da internet.
video
Este vídeo é apenas um exercício, não tem nenhuma finalidade

comercial, ou publicitária

Nenhum comentário:

Postar um comentário